Modelo de contrato de honorários advocatícios

Caso você seja um profissional liberal, então já pode saber de tudo, todo o dinheiro que é proveniente de um trabalho executado deverá vir na forma de honorários. Bem diferente do salário, os honorários não são fixos, e nem sempre são pagos no começo do mês. Os valores dependem bastante do tipo de tarefa e da duração da mesma. E assim acontece também com os juristas.

De acordo com os códigos de processo civil, quem trabalha com causas e com processos de ordem judicial precisa ter nos chamados honorários advocatícios toda a remuneração que deverá ser paga através do seu serviço executado. São dois os tipos de honorários, o que geram uma certa confusão com relação as nomenclaturas, onde temos os contratuais e as sucumbenciais, ambos englobados como honorários advocatícios. A diferença entre os dois é eminentemente técnica, mas importante para que ocorra um resultado final.

Modelo de contrato de honorários advocatícios

O que são os honorários contratuais?

Esta é a remuneração que é paga por uma prestação de serviços realizados por advogados, os valores são variados e definidos de forma prévia entre os profissionais e os clientes, levando em conta uma série de questões como por exemplo a relevância e a complexidade do processo. Na falta de uma estipulação ou de acordo com os honorários, estes devem ser fixados por uma decisão judicial que corresponde em uma porcentagem no valor da causa.

Dos honorários sucumbenciais.

Com relação aos honorários sucumbenciais, toda a remuneração que é paga através da prestação de serviços realizados por advogados, conta com um valor que é variado e definido previamente entre os profissionais e os clientes, levando em conta diversas questões de relevância e complexidade nos processos, com trabalho, e o mesmo tempo necessários, os valores da causa e a condição econômica das partes.

Na falta de contratos o valor deverá vir fixado na forma da lei, e a própria OAB deverá listar uma série dos serviços próprios da área que possa estabelecer os valores mínimos existentes. Além disto, na falta de estipulação ou do acordo, estes honorários devem ser fixados por uma decisão judicial, o que corresponde em uma porcentagem sobre os valores de causas.

Modelo 1

Modelo 2

    
Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!


Deixe um Comentário: